Rádio Upacaraí

1 de abril de 2019

Instalação de lombadas eletrônicas segue indefinida

Registro feito durante a retirada dos equipamentos, em fevereiro

Segue a novela da colocação (ou não) das lombadas eletrônicas nas rodovias federais. O presidente Jair Bolsonaro afirmou, no início de março, o fim das lombadas, já neste final de semana, pelo Twitter, o presidente anunciou que determinou o cancelamento da instalação de 8 mil novos radares, dando seguimento aquilo ao qual anunciara anteriormente.

Em Dom Pedrito, havia duas lombadas - instaladas nos dois sentidos -, localizadas cerca de 300 metros do trevo de acesso ao município, no bairro Getúlio Vargas. Os equipamentos foram retirados em fevereiro, após o vencimento dos antigos contratos relativos ao Programa Nacional de Controle Eletrônico de Velocidade (PNCV). Os equipamentos também foram retirados em Santana do Livramento e Bagé.

Na manhã desta segunda-feira (1), entramos em contato com a Superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), onde foi dito que ainda não há uma definição quanto a recolocação (ou não) dos equipamentos na BR 293. Resumidamente, estudos ainda estão sendo realizados pelo Departamento, entretanto, seguindo as orientações presidenciais.

Lombadas eletrônicas são dispositivos usados no trânsito com o propósito de controlar a velocidade do tráfego. Possui funcionamento igual ao dos radares, ou seja, a medida da velocidade do objeto em questão se dá pela modificação do campo magnético entre os laços do pavimento, que contém os transmissores e receptores da lombada.

0 comentários:

Copyright © FOLHA DA CIDADE | Designed With By Blogger Templates
Scroll To Top