Cidade



O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, disse, nesta segunda-feira (26), que não deve disputar a reeleição na chapa com o presidente Jair Bolsonaro em 2022. O general gaúcho afirmou cogitar passar um período com a família ou concorrer a uma vaga no Senado pelo Rio Grande do Sul.

“Até o presente momento, o que tenho visto em diversas declarações do presidente Bolsonaro é que ele precisaria de outra pessoa no meu lugar. Apesar de ele nunca ter dito isso pessoalmente para mim, a interpretação que tenho feito dos sinais que são colocados é de que ele vai escolher outra pessoa para acompanhá-lo na sua caminhada para a reeleição”, declarou Mourão.

Segundo o general, a sua linha de ação mais provável é, “após 50 anos de serviço ao País”, um período dedicado à produção acadêmica e à família. “Agora, se abrir uma possibilidade de disputar uma cadeira ao Senado, com as características que estariam muito mais ao encontro da maneira como sou e como atuo e com a possibilidade de continuar a auxiliar o País na busca do seu futuro, posso também partir para essa ideia”, revelou o vice-presidente.

O Sul 

Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads