Cidade


A vítima disse que viu, no Instagram, anúncio sobre comercialização de smartphones, o perfil ainda informava referências, atestando a idoneidade do vendador. O golpe é tão bem estruturado que o comunicante disse ter entrado em contato com três pessoas, utilizadas como referências pelo estelionatário, e estas lhe afirmaram que o vendedor era confiável.

Através de uma troca de mensagens, ficou acertado que a vítima pagaria o valor de R$ 2.100,00 em um aparelho, via transferência bancária, além passar seus dados pessoais para um suposto cadastro. No dia seguinte ao pagamento, a vítima relata que recebeu um código de rastreamento do produto, no entanto, era falso, quando descobriu se tratar de um golpe, pois o criminoso o bloqueou na referida rede social.


Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads