13 de janeiro de 2018

Jovem pedritense está por concluir intercâmbio em Portugal


 O jovem pedritense Antônio Carlos Bueno Dias Lopes, 23 anos, filho de Paulo Eduardo Martins Dias Lopes e neto do dr. Paulo Sérgio Dias Lopes, está por retornar ao Brasil, no início de fevereiro próximo, depois de cumprir uma temporada de 1 semestre de intercâmbio entre a PUC-RS (Pontifícia Universidade Católica, de Porto Alegre), onde cursa Educação Física, e a Faculdade do Porto, em Portugal. Detalhe: Antônio, também conhecido pelos amigos como Toninho, é boxeador amador e vem aproveitando a estada na Europa para aprimorar seu estilo e inclusive disputar campeonatos desse esporte.

 Em contato com o Folha da Cidade, ele nos conta que começou a treinar boxe quando foi morar em Porto Alegre, aos 15 anos, incentivado pelo seu pai, que já praticava o esporte. “Comecei as competições em 2012, quando tinha 16 anos. Neste ano já fui campeão gaúcho juvenil, na categoria 56 kg adulto. No ano seguinte (2013) fui vice-campeão gaúcho na categoria adulto 60 kg e também convocado para a Seleção Gaúcha na categoria 56 kg adulto”, ele nos conta.

 O ano 2013 foi por demais importante para a carreira do boxeador pedritense, que naquela temporada participou do Campeonato Brasileiro, em Aracaju (SE), disputando-o pela Seleção Gaúcha.

 E no final do mesmo período, ainda pela Seleção Gaúcha, foi vice-campeão brasileiro Sul-Sudeste 56 kg, conquistando a medalha de prata e chegando no 8º lugar no ranking da Confederação Brasileira de Boxe 56 kg adulto.

 As conquistas continuaram em 2014, quando Antônio atingiu o vice-campeonato Sul-Brasileiro (medalha de prata). Em 2016 houve a convocação para a Seleção Catarinense, quando ganhou a medalha de bronze na categoria 56 kg no Campeonato Sul-Sudeste. Finalmente, em 2017, já disputando pela Seleção de Porto na categoria 60 kg, Toninho foi campeão da Gala Beloucar, realizado em Lisboa, Portugal; e vice-campeão (medalha de prata) do Odivelas Cup, o Campeonato Internacional Europeu, na categoria 56 kg. “No Brasil, treino com meu mentor, Peter Barbizan, e também na Academia Porão da Luta, e às vezes em algumas outras academias. Aqui (em Portugal), treino na Academia Don Kinguell, que me abriu as portas desde que cheguei”, acrescenta nosso conterrâneo, que ainda nos conta outras curiosidades sobre a estada que está concluindo em território luso: “Moro sozinho aqui, alugo um quarto mais ou menos perto da faculdade, vou às aulas e treino todos os dias, e nos fins de semana descanso. Dificilmente como na rua, sempre tento cozinhar minha própria comida, assim economizo e também sigo minha dieta. Consegui fazer muitos amigos nesses 5 meses, e sou muito grato à minha família por ter me dado esta oportunidade. Está sendo uma grande experiência morar aqui e poder lutar grandes campeonatos. Pretendo me formar antes de me profissionalizar no boxe, pois conto somente com a ajuda de minha família para sobreviver, poder treinar e estudar”.

 Maduro e responsável, além de talentoso, Antônio Dias Lopes é mais um pedritense dentre aqueles que o Folha da Cidade tem destacado em suas páginas, que a exemplo de vários outros jovens intercambistas, inclusive de Rotary Internacional, orgulham nossa comunidade pela sua performance em nosso País e também no estrangeiro, para onde levam o nome de nossa Capital da Paz, diga-se de passagem, para onde Toninho retornará para uns dias de férias no início de fevereiro.

0 comentários:

Postar um comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Copyright © FOLHA DA CIDADE | Designed With By Blogger Templates
Scroll To Top