Cidade



Na madrugada desta sexta-feira uma operação conjunta entre a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas – DRACO da Polícia Civil, o setor de inteligência da Brigada Militar e a Polícia Rodoviária Federal - PRF apreenderam 45kg de droga e prenderam 7 (sete) pessoas em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Os policiais estavam investigando um grupo criminoso vinculado a uma facção da região metropolitana de Porto Alegre quando realizaram a abordagem de um veículo Fiat Uno, com placas de Novo Hamburgo, na BR153. No veículo estavam 5 indivíduos – 2 homens e 3 mulheres, todos eles de fora de Bagé. Durante a revista ao veículo os policiais encontraram 4 tijolos de crack, escondidos em baixo do banco. Em razão do grande volume de droga, o envolvimento com uma facção criminosa e os antecedentes criminais por tráfico, roubo e homicídio, todos foram presos em flagrante e levados até a Delegacia de Pronto Atendimento.

Os policiais prosseguiram nas diligências, pois já sabiam que o grupo estava instalado na cidade há alguns dias. Assim, foram até uma residência que eles haviam alugado no bairro Mascarenhas de Moraes. O imóvel servia como depósito de droga e lá foram encontrados 52 tabletes de maconha, pesando 40kg de droga e 2 balanças de precisão. Os policiais também descobriram um apartamento, em um residencial na Av. Espanha, onde o grupo estava residindo. Lá estavam dois homens e uma adolescente grávida. Com esses indivíduos os policiais ainda apreenderam 230g de crack, droga já embalada em porções de 25g, que seriam entregues para pequenos traficantes.

O Delegado Cristiano Ritta destacou que essa foi a maior apreensão de drogas do ano na cidade, e que as operações conjuntas entre os órgãos de segurança têm trazido bons resultados no combate ao crime organizado e ao tráfico de drogas. A integração entre as polícias permite um combate mais efetivo ao crime e traz mais segurança para a sociedade bajeense.

Após a prisão em flagrante todos foram recolhidos ao Presídio Regional de Bagé.

Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads