Cidade



O comunicante relata no boletim de ocorrência que foi vítima de extorsão nas redes sociais. Tudo começou quando o homem recebeu um convite de amizade de uma mulher no Facebook. Logo, trocaram números de telefone e passaram a conversar via aplicativos de mensagem. Depois de algum tempo, começaram a trocar fotos íntimas, até os contatos cessarem.

No dia seguinte uma pessoa se identificando como o pai da suposta menina entrou em contato com o comunicante. Se dizendo um homem religioso, informou que tomou conhecimento do 'envolvimento' entre os dois e, por conta disso, a mãe da menina havia cortado o cabelo e batido na menina. Para acalmar a esposa, a vítima poderia fazer um depósito de R$ 800 a R$ 1000, valor que seria utilizado para dar de entrada na compra de um notebook e uma TV.

A vítima relata que bloqueou os números de telefone utilizados no primeiro momento. No entanto, passou a receber mensagens e ligações de outro número, onde os interlocutores ameaçavam registrar o caso na polícia, além de entrar em contato com a prefeitura de Dom Pedrito. O fato foi registrado como estelionato.



Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads