Cidade

 

Desde o dia 24 de agosto, militares do Batalhão de Choque de Santa Maria estavam no município, auxiliando junto ao policiamento ostensivo, após um pedido das autoridades locais devido ao início de agosto violento, com tentativas de homicídio e dois homicídios consumados, no entanto, depois de duas semanas atuando junto à comunidade pedritense, o Batalhão de Choque encerrou suas atividades, marcando o fim da 3ª Fase da Operação Ponche Verde. 

Durante o período, as guarnições, diariamente, realizavam abordagens e patrulhamento ostensivo nos bairros, com incursões em locais reconhecidos pela drogadição e índices mais elevados de violência, resultando na diminuição de alguns crimes em Dom Pedrito. Conforme informações obtidas pela reportagem, o desejo dos militares era permanecer por mais tempo na cidade, com o intuito de seguir com a atuação ostensiva, trazendo, assim, mais tranquilidade à comunidade, no entanto, o Governo do Estado, apesar dos pedidos, não renovou a permanência dos brigadianos na Capital da Paz. 

O vice-governador e secretário de Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, em recente entrevista ao Jornal das 6, da Rádio Upacaraí, prometeu que encaminharia para análise eventuais pedidos de transferência buscando reforço ao efetivo local, além disso, não descartou a possibilidade de alocar policiais formados no curso da Brigada Militar, no entanto, o referido curso só será finalizado ao final do ano. 

Resultados logrados pelo Batalhão de Choque, direta e/ou indiretamente: 

Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads