Cidade


Devido a pandemia causada pelo COVID-19 somada as baixas temperaturas do inverno sulino, a população se vê obrigada a fazer uso do álcool etílico, primeiro para higienização e prevenção do COVID-19 e segundo para o abastecimento das lareiras ecológicas e lareiras artesanais.

O Corpo de Bombeiros Militar através do 10° Batalhão de Bombeiro Militar, Pelotão Dom Pedrito, orienta a comunidade pedritense que redobre os cuidados no manuseio e armazenamento do álcool etílico por se tratar de um combustível muito inflamável e de alta volatilidade (alta pressão de vapor) proporcional a sua concentração. 

Diversos acidentes acontecem quando as pessoas utilizam o álcool, principalmente com concentração acima de 54 ºGL, que devido a pandemia foi autorizado a comercialização nas proporções do álcool 70 ºGL, que é a graduação mais indicada para matar os microrganismos, e o álcool líquido 94 ºGL em galões de 5 L. E não é diferente quando o uso do álcool etílico vendido nos postos de combustíveis é utilizado para abastecer lareiras ecológicas.

O conjunto de fatores de risco como, vapores de álcool + ambiente pouco ventilado + fonte de ignição e alcançado os limites inferior e superior de inflamabilidade (LII) e (LSI) do álcool pode gerar a queima destes vapores com uma violenta expansão do ar ou até mesmo uma explosão do ambiente seguidos ou não de um incêndio.

Salientamos que quando somados estes fatores de riscos os acidentes são graves e podem ocasionar queimaduras diversas e até mesmo levar uma pessoa óbito.

Dúvidas podem ser sanadas pelo telefone 32434448.

Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads