Cidade


Relata a vítima que possui propriedade rural no Campo Seco e que no final de fevereiro, ao retornar de Santa Catarina, percebeu que sua propriedade teria sido invadida pelo acusado, e que o mesmo está plantando soja. Além de plantar no local sem qualquer autorização, o acusado alterou a porteira da propriedade, construindo uma de tamanho maior.

Conforme boletim de ocorrência, o acusado teria tentado arrendar a propriedade há um ano e meio, porém não concretizou o negócio. O comunicante perguntou ao acusado sobre o motivo de ter invadido a propriedade, no que ele teria dito que arrendou de um terceiro, fornecendo um nome, no entanto, de acordo com relato da vítima, boletins de ocorrência já foram registrados contra o homem que teria arrendado indevidamente o campo.

Além de tudo, o comunicante relatou que deu falta do transformador da propriedade.

Post a Comment

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads