27 de setembro de 2019

Estado institui força tarefa para acelerar retomada das obras da barragem do Taquarembó

Foto: Saul Teixeira/SOP

O governo do Estado deu mais um passo para a retomada das obras nas barragens Taquarembó e Jaguari, na Fronteira Oeste. Em reunião liderada pelo secretário de Obras e Habitação, José Stédile, na quinta-feira (26), foi criada uma força-tarefa reunindo técnicos da Secretaria de Obras e Habitação (SOP) e da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), Assembleia Legislativa e representantes das empresas responsáveis pela execução e fiscalização das melhorias. O grupo busca agilizar a retomada das obras e concluir os trabalhos em até dois anos.

Com investimento do governo federal de mais de R$ 300 milhões, as obras foram iniciadas em 2007. “Retomaremos os serviços em breve através de um trabalho coletivo que preza pela transparência, pela agilidade e renovando a relação com o governo federal. Temos total confiança no grupo de trabalho que estamos formando”, disse Stédile, lembrando que esteve no Ministério do Desenvolvimento Regional reforçando a disposição da atual gestão em agilizar os trabalhos.

A SOP está liderando o assunto por meio da delegação de competência. Os serviços anteriormente eram de responsabilidade da secretaria da Agricultura. “A mudança na titularidade depende de aprovação pela Assembleia Legislativa”, esclareceu o secretário-adjunto Vicente Pires.

As barragens garantirão segurança hídrica, irrigação para a produção agrícola e diversificação de culturas, controle das cheias e desenvolvimento do turismo local. “A comunidade aguarda ansiosa por um desfecho favorável”, resumiu o presidente da Associação dos Usuários da Água da Bacia Hidrográfica do Rio Santa Maria (AUSM), Edison Moreira Silva. “Taquarembó tem capacidade para acumular 116 milhões de metros cúbicos e Jaguari, 122 milhões de metros cúbicos”, destacou.

A barragem de Jaguari está localizada no município de São Gabriel e também atenderá Lavras do Sul e Rosário do Sul. “Quase 90% da obra, na sua primeira fase, já foi concluída. A segunda está com 14% de execução”, destacou Stédile. No dia 10 de setembro, foi assinado o contrato com a empresa que fará a supervisão da obra em Taquarembó, localizada em Dom Pedrito. “A primeira fase já está concluída e a segunda se encontra com 26% dos serviços executados”, completou o titular da SOP.

Saiba mais

Presentes na reunião ocorrida na secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE), os diretores das empresas Bourscheid Engenharia e Meio Ambiente (RS), Construtora Sultepa S/A, Ecoplan Engenharia e Meio Ambiente Ltda, Magna Engenharia, todas do Rio Grande do Sul, e Sanenco Ltda, de Minas Gerais.

A Assembleia Legislativa foi representada pelo deputado estadual Dalciso Oliveira, além dos assessores dos deputados Ernani Polo, Elton Weber e Eric Lins, presidente Frente Parlamentar em Defesa das Barragens da Fronteira Oeste. Eles destacaram o compromisso do legislativo gaúcho com a retomada dos serviços.

0 comentários:

Copyright © FOLHA DA CIDADE | Designed With By Blogger Templates
Scroll To Top