Rádio Upacaraí

22 de julho de 2019

Estado: consulta pública elenca Segurança como principal ação prioritária


Nos dez dias de consulta pública sobre os programas e ações prioritárias no processo de elaboração do Plano Plurianual (PPA) 2020-2023, os gaúchos reafirmaram o desejo de ver a segurança pública recebendo atenção especial nos próximos quatro anos.

Ao elencar os 12 programas estratégicos, o Programa RS Seguro, lançado há quatro meses pelo governo do Estado, ficou no topo do ranking. A qualificação dos órgãos policiais para preservar a ordem pública, maior capacidade de resposta e a incorporação de novas tecnologias no combate ao crime foram as ações mais votadas.

A pesquisa digital “Novas Façanhas no PPA” encerrou à meia-noite da quinta-feira (18). Foi uma iniciativa do governo para buscar a participação da sociedade neste processo de elaboração do texto final do PPA. Através da plataforma, além de dar uma ordem de preferência entre os 12 programas temáticos já validados pelos secretários de Estado, o cidadão podia indicar duas ações mais importantes em cada área. O texto final do PPA 2020-2023 será encaminhado para a Assembleia pelo governador Eduardo Leite dia 1º de agosto.

Na ordem definida pela consulta, a segunda área prioritária é o Educa+RS, onde foram apontadas como necessidades maiores a melhoria da infraestrutura física, pedagógica e administrativa das escolas, ao lado da formação continuada dos professores como caminho para melhorar os baixos índices educacionais. Na sequência, as áreas que a pesquisa elencou como mais importantes foram saúde, investimentos em infraestrutura e ações para garantir o crescimento da economia.

Neste sentido, a pesquisa indicou o que cada setor precisaria ter como ação prioritária: Desenvolve RS (estradas vicinais, e infraestrutura de saneamento, mais o apoio ao às gestões municipais), Acelera RS (fomento à pesquisa, ciência e tecnologia, assim como a gestão da inovação) e o Simplifica RS (menos burocracia para empresas e fortalecimento da Sala do Investidor).

0 comentários:

Copyright © FOLHA DA CIDADE | Designed With By Blogger Templates
Scroll To Top