João Roberto Vasconcelos

DE  TUDO UM  POUCO  

*Temos até hoje quem ofereça resistência em dar o braço para a vacina contra a Covid-19. Dizem simplesmente que não, sem apresentar nenhum argumento convincente, e ponto. *O passarinho diz que o Prefeito Mario Augusto anda sonhando com um Centro Administrativo. O Palácio Ponche Verde seria todo restaurado e ficaria para atos solenes e eventos oficiais. *De algum tempo Dom Pedrito vem se destacando pela qualidade dos seus vinhos finos. Agora, também faz sucesso o azeite de oliva feito com olivas daqui. Nosso azeite ganha nome e respeito. * Nossos professores merecem todos os aplausos por terem assumido as aulas virtuais durante a pandemias. Alguns sabiam muito pouco sobre Internet, mas foram à luta e literalmente tiraram de letra. * Muitas pessoas, leia-se muitos jovens achando que tudo voltou ao que era antes. Os finais de semana que o digam. Calma pessoal, a pandemia, embora muita máscara tenha caído, ainda não acabou. * As últimas chuvas serviram para redimensionar o tamanho da nossa próxima safra de arroz com a água que as barragens pegaram. * E a Cotrijui, agora sob o manto da justiça, será que volta ao que era antes. Fala-se em arrendamento, venda, e até em protagonismo do capital local. Só que até agora nadica de nada. *Sabia que o futebol pedritense oficialmente não existe. A ficha de Dom Pedrito na Federação Gaucha de Futebol está em branco. *Sabia que o famoso Grupo JOSS não tem diretoria, CNPJ, estatutos ou cargos eletivos. É um grupo de amigos que gosta de estar junto e adora fazer promoções em favor de entidades benemerentes. Falar nisso, neste domingo haverá almoço no Rodeio da Fronteira. Na mesa - churrasco, arroz, feijoada, puchero, salada e pão. Meio-dia, no Rodeio - 30 reais .* E se a Câmara Municipal conseguisse a doação do prédio que foi da Caixa Estadual, praticamente pronto para a Casa do Povo, inclusive com amplo plenário. O terreno que foi adquirido para ser a nova sede da Câmara poderia abrigar uma nova e moderna rodoviária, até com acesso facilitado ao trevo da 7 de Setembro. *Falando-se em Câmara, tenho um pedido. Evitem dividir as ruas daqui em dois nomes como fizeram os colegas de  Bagé onde a maioria das ruas e avenidas  do centro tem duas denominações, inclusive a principal (7 de Setembro) que ostenta dois nomes. *Por onde andará a faixa de prefeito que Rui Bastide usou na sua posse. É provável que seja a única do Brasil. *Depois de trabalhar mais de sessenta anos na Câmara onde organizou uma notável secretaria, Elias Mansur Azevedo não merece ter uma rua com seu nome? Uma pequena sala é muito pouco para quem tanto fez pelo legislativo. *O sistema de ensino já vinha sinalizando mudanças com o EAD - Ensino à Distância.  Agora, com o advento da pandemia e as aulas virtuais como vai ser? *Me agrada a forma inteligente e criativa como a polícia identifica suas operações contra o crime. É o formato ideal para conquistar a população. Há inclusive um tom didático no trabalho policial. *Sugiro ao prof. Adilson começar a montar uma galeria de máscaras para serem apresentadas no futuro com os nomes famosos de Dom Pedrito, usadas durante a pandemia. Acho que pode ser uma mostra bem interessante daqui a uns dez anos. *O prefeito projeta uma rua coberta para Dom Pedrito, a exemplo de Gramado.

Publicada em, 18 de setembro de 2021.