Cidade



Em reunião realizada nesta quarta-feira (9), o Gabinete de Crise acatou a recomendação do GT Saúde e emitiu um novo Alerta para a região Covid de Bagé, que engloba, além da Rainha da Fronteira, Dom Pedrito, Aceguá, Lavras do Sul e Hulha Negra.

A região terá 48 horas, após a notificação por parte do Estado, para apresentar um plano de Ação. A partir do envio, as medidas podem ser adotadas imediatamente, sem necessidade de esperar um aval. As equipes do governo farão uma avaliação do plano remetido e, caso necessário, entrarão em contato com a região para sugerir novas ações.

A região de Bagé apresentou incidência de 414,7 casos confirmados por 100 mil habitantes na última semana, um aumento de 32,8% frente à semana anterior. É a quarta maior entre as 21 regiões Covid-19 na última semana e 48,8% superior à média estadual.

Apesar da queda na última semana, a taxa de mortalidade recente de Bagé ainda é a sexta maior do Estado na última semana e 41,1% superior à média estadual.

Ao longo da última semana, o número de internados em leitos clínicos cresceu 15,1%. Assim, a região tem 61 internados por Covid-19 nesse tipo de leito. Nos leitos de UTI, são 18 internados por Covid-19. A taxa de ocupação da região é de 80%, com apenas sete leitos livres.

Com o percentual de 10,2%, Bagé apresenta a menor proporção da população vacinada com a segunda dose entre as 21 regiões Covid-19.

Cabe ressaltar que Dom Pedrito recebeu pacientes de outras regiões que estão a ocupar leitos na UTI. O Governo do Estado não é claro se esse dado é levado em consideração em suas avaliações. 

Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads