Cidade




A vítima narra no boletim de ocorrência que ao verificar seu saldo no FGTS constatou que havia sido ativada a modalidade saque-aniversário em sua conta. Foi realizado um saque no dia 31/03/21, mas, para isso, uma conta em nome da vítima foi aberta no Banco do Brasil. A vítima relata que foi até a instituição bancária e foi informada que a conta em seu nome foi aberta no dia 24/03/21 via internet e nessa conta foi depositado o benefício.

Ainda segundo o boletim de ocorrência, a vítima cita que foi realizada uma transação via Pix para uma pessoa identificada como Magno, a quem ela não conhece. Logo após a transação, a conta em nome da vítima foi desativada. Ela complementa informando que nunca abriu conta na referida instituição bancária nem optou pela modalidade saque-aniversário do FGTS. O fato foi registrado como estelionato.


Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads