Cidade


A Polícia Civil efetuou prisão em flagrante por estelionato ao final da tarde desta quinta-feira (15). O indivíduo, que já era investigado por aplicar outros golpes, incluindo auxílio emergencial, realizou, ao menos, quatro fraudes no sistema de transferência PIX durante compras online em uma rede de supermercados, no entanto, ele acabou sendo descoberto e preso.

Conforme o delegado Guilherme Fagundes, titular da Delegacia de Polícia de Dom Pedrito, já há alguns inquéritos e investigações quanto ao acusado. "Sempre relativa a prática de estelionatos, mas recentemente uma apropriação indébita", relatou. Nesta quinta-feira, através de uma rede de supermercados que vinha sendo lesada pelo indivíduo, a Polícia Civil recebeu informações de que ele, pela quarta vez, estava realizando compras remetendo comprovantes falsificados de pagamentos via PIX, no entanto, a empresa só constatava o golpe após as mercadorias serem entregues. Após a comunicação, os policiais foram até a casa do indivíduo, localizada nas proximidades do bairro Dr. Moacyr Dias - Vila Arrué. "Quando houve a entrega das compras e o comprovante nos foi fornecido pela rede de supermercados, demonstrando que era falso, demos voz de prisão em flagrante pelo crime de estelionato", disse o delegado Guilherme. 

Os policiais ainda apreenderam máquinas de cartões, um telefone celular e cartões de crédito. O indivíduo, candidato a vereador na eleição passada, é acusado de vários crimes semelhantes, inclusive lesando beneficiários do Auxílio Emergencial. 

Após os trâmites, ele foi conduzido ao Presídio Estadual de Dom Pedrito, onde se encontra à disposição da Justiça. 



Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads