Cidade



O braço de distribuição da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE-D) foi vendido na manhã desta quarta-feira (31) para a holding Equatorial. A proposta, de R$ 100 mil, foi a única válida no leilão envolvendo a estatal gaúcha. O valor equivale ao dobro do que foi pedido pelo governo do Rio Grande do Sul.

A holding Equatorial já opera na área de fornecimento de energia nos estados de Alagoas, Maranhão, Pará e Piauí.

Segundo a Secretaria Estadual da Fazenda, o valor tão baixo de venda é explicado pelo fato de que a CEEE estava prestes a perder a licença para atuar no Rio Grande do Sul, justamente por conta da dívida de mais de R$ 7 bilhões.

A Comissão de Assuntos Municipais da Assembleia Legislativa irá realizar uma audiência pública para debater as dívidas de ICMS da CEEE-D com os municípios gaúchos. O objetivo da reunião, segundo a deputada Patrícia Alba (MDB), proponente do requerimento, é cobrar maiores esclarecimentos do governo gaúcho sobre o dinheiro que será retornado às prefeituras.

O processo irá funcionar de forma que o Estado perdoe parte da dívida da empresa e o restante dos impostos devidos serão pagos, de forma parcelada, pelos futuros acionistas às cidades.

Correio do Povo

Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads