Cidade


A reportagem do Folha recebeu o comunicado do gerente de uma empresa do município alertando sobre o uso indevido do nome da loja para aplicar golpes. Os criminosos, utilizando uma conta de Whatsapp, entram em contato com as vítimas identificando-se como funcionários de empresas locais, convidando-as para fazerem parte de um grupo de Whatsapp da empresa.

As vítimas, acreditando se tratar de algum funcionário, uma vez que os criminosos utilizam nomes de empresas reconhecidas no município (que não têm ligação alguma com o fato), acabam aceitando. No entanto, os golpistas enviam um código via mensagem SMS para que a vítima acesse o link enviado. Logo após, se entrar no link enviado pelos falsários, a vítima acaba perdendo o acesso a sua conta do Whatsapp.

Após clonarem as contas das vítimas, o estelionatários têm acesso a todos os contatos, enviando mensagem pedindo dinheiro.

Pelo menos duas empresas da cidade tiveram seus nomes utilizados indevidamente: Sacolão das Frutas e uma farmácia. É importante destacar que se trata de golpe, tais empresas não estão organizando novos grupos no Whatsapp.

Abaixo, prints das mensagens enviadas pelos criminosos:





Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads