Cidade


Conforme publicado na edição impressa do jornal Folha da Cidade, teve início o Levantamento de Índices do Aedes aegypti (LIRAa - LIA), objetivando apurar locais onde o mosquito pode se proliferar. Chamou atenção imagem divulgada pelo servidor público Guiomar Vargas, de uma grande quantidade de lixo acumulado em um prédio público. Além do problema de ordem ambiental, o local favorece a proliferação do Aedes aegypti.

Guiomar revelou ao Folha que Dom Pedrito registrou um caso autóctone de Dengue. Aproximadamente 500 imóveis serão visitados a procura de eventuais focos. Com base na lei Nº 36/2019, que criou o programa municipal de combate ao Aedes, já existem os formulários de advertência e multa - a constatação de focos pelos agentes ensejará uma advertência e, se não houver providências, multas, primeiro no valor de 150 URMs e na reincidência o equivalente a 300 URMs.

O secretário de Educação, Marco Antônio Rodrigues, em entrevista ao programa Sílvio Bermann, na Rádio Upacaraí, relatou que o material registrado na fotografia é utilizada na confecção das decorações do Natal da Paz. O material será retirado e levado até o local onde os voluntários estão trabalhando na confecção dos enfeites.

Seu comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anuncie aqui

header ads

Anuncie aqui

header ads

Anuncie Aqui

header ads