15 de outubro de 2016

Homicídio


 O final de semana passado foi marcado pelo homicídio de Roseli Machado Gonçalves, de 34 anos. Ela foi morta a tiros por volta das 20h45min do sábado passado (08), na própria residência, localizada na rua General Carneiro, bairro Getúlio Vargas.
 De acordo com a Brigada Militar, o filho da vítima, de 5 anos de idade, presenciou o crime e precisou ser encaminhado para a casa de amigos. De acordo com informações, Roseli sofria ameaças há algum tempo e, pela cena do crime, o assassino efetuou o primeiro disparo de arma de fogo do lado de fora da casa, sendo que uma das balas atravessou a porta da frente, como mostra uma das imagens.
 Logo após o fato, o inspetor Patrício Antunes disse acreditar tratar-se de um crime encomendado e que a Polícia Civil já possuía o nome do principal suspeito de ter executado a vítima. “É importante ressaltar que ela já vinha sofrendo algumas ameaças, mas não foi quem estava lhe ameaçando que cometeu o crime.
 O crime foi encomendado, já temos o suspeito”, informou o inspetor.

0 comentários:

Copyright © FOLHA DA CIDADE | Designed With By Blogger Templates
Scroll To Top