Buscar

Lei criada em Dom Pedrito é destaque em Seminário de Agricultura



A Famurs realizou na quinta-feira a abertura do 28º Seminário dos Secretários Municipais de Agricultura do RS. A edição especial, realizada em São Borja nos dias 18 e 19, contou com a presença de cerca de 200 participantes, entre prefeitos, vice-prefeitos, secretários municipais, técnicos e vereadores.


Um dos destaques foi a Política Pública de Marcas e Sinais, lei criada em Dom Pedrito e considerada pioneira no país, que prevê a digitalização das marcas e sinais existentes, buscando facilitar a consulta por parte das autoridades policiais e sanitárias.


A programação de sexta-feira iniciou com a palestra “Registro de Marcas e Sinais online como ferramenta de combate ao abigeato”. Participaram do painel o vereador de Dom Pedrito e inspetor de Polícia na DECRAB/Bagé, Patrício Jardim Antunes; o vereador de São Borja, Edson Damião Ribas; e os vereadores de Quaraí, Maurício Mera de Castro e Mario Augusto Teixeira de Souza. Na oportunidade, o presidente e prefeito Bonotto assinou a lei municipal que cria em São Borja a Política Municipal de Marcas e Sinais através da modernização, atualização e digitalização, inspirada na lei pedritense.


O aplicativo previsto na Lei para uso no município de Dom Pedrito já está em desenvolvimento. O prefeito Mário Augusto, acompanhado de um grupo de trabalho, iniciou, há alguns meses, tratativas com uma empresa desenvolvedora de softwares que está programando o aplicativo que deverá ficar pronto em janeiro. O programa será capaz de executar pesquisas de múltiplas formas, de marcas, sinais e outras categorias de identificação animal nele cadastrados.

74 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo