Jovem bajeense é destaque no futebol feminino sub-16



A jovem bajeense Maria Eduarda Bulcão Pereira, de apenas 15 anos, vem se destacando no futebol feminino. Incentivada pelo pai, Dilson Garcia Pereira, e pelo tio Tiaguinho, ambos goleiros reconhecidos no meio desportista, Maria Eduarda, já com dez anos, passou a acompanhar Dilson nos treinos e jogos.


Logo Maria Eduarda passou a brilhar em campeonatos. Com 13 anos, Maria Eduarda disputou um Gauchão pelo Associação Esportiva João Emílio na categoria Sub-14. Em seguida participou do Ibercup, um dos maiores torneios de futebol juvenil do mundo, no CT Presidente Hélio Dourado do Grêmio, em janeiro de 2020.


Na oportunidade, a goleira foi descoberta por olheiros do Internacional e Chapecoense, passando por avaliação técnica. Após isso, Maria Eduarda iria atuar no Internacional, por conta da distância, no entanto, em virtude da pandemia de Covid-19, as atividades precisaram ser paralisadas. Com isso, a jovem acabou indo treinar na Chapecoense, que liberou os treinamentos com algumas flexibilizações, onde treinou até outubro de 2020, quando recebeu proposta para jogar no Santos FC e treinou na equipe até dezembro daquele ano.


Já em 2021, Maria Eduarda retornou à São Paulo, onde disputou o Campeonato Paulista Sub-16. ela vai participar do Torneio de desenvolvimento CBF-Conmebol, que dará vaga para a Copa Libertadores Feminina Sub-16 defendendo o Santos FC.


  1. Maria Eduarda com o pai Dilson e o tio Tiaguinho

611 visualizações0 comentário