Homem morre soterrado em silo de arroz de Bagé

Atualizado: 8 de mar.



Na tarde desta segunda-feira, dia 7, João Vitor Silva Bages, de 40 anos, morreu soterrado após entrar em um silo de casca de arroz, em um engenho localizado na Avenida Santa Tecla, em Bagé.


Segundo informações da investigação da Segunda Delegacia de Polícia Civil, o trabalhador entrou no silo para ajudar a soltar as cascas que estavam muito secas e presas. Conforme relato dos trabalhadores da empresa, esse procedimento não deve ser realizado, pois o correto é bater por fora por risco de soterramento, o que aconteceu com a vítima.


Consta que o corpo foi retirado pela parte de baixo do silo e o homem morreu por asfixia, apesar do material ser leve, pois não conseguiu sair em tempo. Agentes do Instituto Geral de Perícias, da investigação da Segunda DP e do Corpo de Bombeiros estiveram no local realizando levantamento técnico. Os investigadores irão ouvir testemunhas do fato ao longo da apuração.


As informações são do Jornal Minuano.

2.503 visualizações0 comentário