Câmara contratará, de forma emergencial, um Técnico em Informática



Na sessão ordinária de terça-feira (14) os vereadores aprovaram, por unanimidade, o Projeto de Lei nº 10/2022, do próprio Legislativo e subscrito pela Mesa Diretora, autorizando a contratação temporária de um Técnico em Informática, mediante processo seletivo público simplificado, pelo prazo de 180 dias, prorrogável por igual período em caso de comprovada necessidade.


O valor pago mensalmente será reajustado, proporcionalmente, no mesmo índice e na mesma data de reajuste concedido aos servidores da Câmara, assim como outros direitos e atribuições inerentes ao corpo de funcionários do Legislativo.


Atribuições e requisitos


Zelar pela manutenção de todo o equipamento de informática da Câmara; executar a instalação e configuração de programas; construção de pequenos programas; prestar atendimento técnico na solução de problemas de funcionamento dos equipamentos; controlar o estoque de material de consumo inerente à área e realizar tarefas afins. Os requisitos deverão constar de escolaridade com ensino médio ou equivalente; curso técnico em informática ou nível superior na área e idade mínima de 18 anos. O período de trabalho será de 30 horas semanais. Salienta-se que em breve será expedido o Edital do processo, no site e no mural da Câmara de Vereadores, entre outras mídias a serem contatadas.

72 visualizações0 comentário