Bolsonaro inaugura unidade de radioterapia na Santa Casa de Bagé



Depois de comparecer em Pelotas, onde inaugurou a duplicação do Contorno das BRs 116 e 392, em Pelotas, o presidente Jair Bolsonaro participou da inauguração da unidade de radioterapia da Santa Casa de Caridade de Bagé. Em novo discurso, o chefe de Estado lembrou do pai, que perdeu a batalha para o câncer quando tinha 68 anos.


"O câncer não pode esperar. Esta obra teve a aceitação do governo e agora é uma realidade que nós agradecemos. Salvando vidas aqui em Bagé muito se poupará em deslocamento para outras cidades", resumiu Bolsonaro.


Bolsonaro ainda fez um comentário sobre as escolas cívico-militares e destacou que Bagé já tem três instituições deste tipo. "O que liberta o povo é o conhecimento e ele vem através de escolas de qualidade como essas", completou.


Antes da manifestação do presidente, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, comentou alguns dos investimentos do governo na área da saúde. "Nenhum governo investiu mais em oncologia do que o de Jair Bolsonaro. Foram mais de R$ 4,6 bilhões. Somente na área de radioterapia, 56 soluções como esta foram entregues, sendo que 40 delas são da gestão Bolsonaro. O presidente transformou o dinheiro público do imposto em políticas públicas do interesse da sociedade", salientou.


A obra


O Hospital do Câncer de Bagé recebeu o investimento de R$ 10 milhões e irá beneficiar mais de 500 mil pessoas. A estrutura, colocada em uma área de 800 m², foi feita para atender 120 pacientes por dia. O centro completa o ciclo de tratamento do câncer na cidade, abrangendo também pacientes de diversas cidades, como Porto Alegre, Santa Maria e Pelotas.


A construção teve início no fim de outubro de 2020, ao lado do setor da oncologia da Santa Casa de Caridade de Bagé e faz parte do Plano de Expansão da Radioterapia no Sistema Único de Saúde (SUS), que visa ampliar e criar novos serviços de radioterapia.


Correio do Povo


390 visualizações0 comentário