Anvisa libera aplicação da Coronavac para crianças de 3 a 5 anos



A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou o uso da vacina Coronavac, usada contra a Covid-19, em crianças entre 3 e 5 anos. A aprovação ocorreu na tarde de quarta-feira (13), após reunião da diretoria colegiada.


O pedido inicial do Instituto Butantan, que produz o imunobiológico, foi feito em março deste ano. Ao todo, foram feitos três pedidos de ampliação do uso da vacina. Em junho, o Butantan entregou dados adicionais solicitados pela agência para analisar o pedido de autorização da vacina.


A diretora Meiruze Sousa Freitas, relatora do processo de aprovação, frisou que a Anvisa monitora o resultado de pesquisas de efetividade da vacina em crianças antes da aprovação e que a medida é tomada com segurança. A recomendação é que o esquema vacinal seja de duas doses com intervalo de 28 dias.


Ao longo da reunião, pesquisadores frisaram que o imunizante se mostrou seguro e eficaz contra a covid nessa faixa etária. Antes, a Coronavac era aplicada em crianças acima de 6 anos e que não tenham comorbidades. As doses da vacina fabricada pelo Butantan são iguais para todas as faixas etárias.


A autorização para uso no público de 6 a 17 anos foi concedida em janeiro de 2022. O imunizante para adultos é utilizado desde janeiro de 2021. O imunizante é produzido pelo Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac. Essa foi a primeira vacina a ser usada no Brasil.


No Brasil, quatro vacinas contam com a aprovação da Anvisa: Pfizer, Coronavac, Janssen e AstraZeneca. A vacina russa Sputnik tem autorização para importação excepcional.


47 visualizações0 comentário