Anvisa autoriza a aplicação da vacina da Pfizer em crianças de 5 a 11 anos



A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) autorizou nesta quinta-feira (16) a aplicação da vacina da Pfizer contra a Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos. A dosagem para esse público será menor do que a utilizada por maiores de 12 anos.


A Anvisa alerta que a autorização é baseada nos dados científicos disponíveis até o momento. Em outubro, a Pfizer garantiu que a sua vacina é segura e mais de 90,7% eficaz na prevenção da Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos.


As orientações da agência reguladora são as seguintes: a dose para as crianças entre 5 e 11 anos é de um terço em relação à formulação já aprovada no Brasil; a formulação pediátrica é diferente daquela aprovada anteriormente apresentada para o público com mais de 12 anos e, portanto, não pode ser utilizada a formulação de adultos diluída; a criança que completar 12 anos entre a primeira e a segunda dose deve manter a dose pediátrica; não há estudos sobre a coadministração da Pfizer com outras vacinas (não deve ser administrada com outros imunizantes).


Além da área técnica da Anvisa, especialistas das sociedades brasileiras de Infectologia, de Imunologia, de Pediatria, de Imunizações e de Pneumologia e Tisiologia participaram da avaliação sobre a liberação do imunizante para as crianças.

232 visualizações0 comentário