Análise da Coronavac para crianças a partir de 3 anos avança na Anvisa



A discussão em torno da oferta da Coronavac para crianças a partir de 3 anos no Brasil avança na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que recebe, nesta segunda-feira (21), especialistas da área de saúde, imunização e pediatria para avaliar novos dados do Instituto Butantan direcionados à ampliação da faixa etária para o uso da vacina contra a Covid-19.


Parte dos dados sobre da Coronavac para o público infantil já estão nas mãos dos representantes das sociedades médicas convidados para a reunião, mas a apresentação com novas informações fornecidas pelo Butantan será feita apenas na reunião, sendo necessária a assinatura de um termo de sigilo e declaração de conflito de interesses.


Estarão presentes representantes da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), Sociedade Brasileira de Imunologia (SBI) e da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco).

106 visualizações0 comentário